fbpx
Menu fechado

Aeronave sem autorização da ANAC causa confusão com Xuxa

Aeronave sem autorização da ANAC causa confusão com Xuxa - Grupo Avanzi

Empresa que contratou Xuxa diz que busca responsáveis após confusão com aeronave sem autorização

A Planner Eventos, responsável por contratar Xuxa para um show em Fortaleza na noite do último sábado (24), veio a público afirmar que está apurando os “reais responsáveis” pela confusão que deixou a apresentadora esperando por mais de 12 horas por um voo de volta ao Rio de Janeiro.

Aeronave sem autorização da ANAC causa confusão com Xuxa - Grupo Avanzi
Aeronave sem autorização da ANAC causa confusão com Xuxa – Grupo Avanzi

Xuxa pretendia embarcar de volta para o Rio à meia-noite. Ao chegar no local, ela descobriu que o jato reservado pela contratante não poderia levantar voo porque estava ilegal. Se tratava de um jato particular, que estava prestando serviço de táxi aéreo, sem autorização da Anac.

Em uma nota divulgada à imprensa, a Planner Eventos relatou que o voo em questão seria operado pela empresa Pacific e que a tripulação foi informada da interdição pela Anac ao solicitar o plano de voo.

“Toda a equipe da Planner foi mobilizada para providenciar hospedagem e logística para a artista e sua equipe”, prosseguiu a empresa. “Jamais contrataríamos um voo que oferecesse riscos a uma atração”.

“Nosso jurídico trabalha para apurar os fatos e os reais responsáveis”, finalizou a Planner.

Xuxa chegou ao Rio de Janeiro por volta das 15h20 deste domingo. Ela tinha um novo show marcado para o dia 1º de dezembro em Recife, pela mesma empresa contratante, e já avisou que não fará.

“Gostaria de dizer não farei o show, sinto muito. Essa pessoa não é uma pessoa digna, então eu não posso ser profissional. Poderia ter acontecido alguma coisa com a gente neste avião”, disse ela de madrugada. Sobre este fato, a Planner Eventos ainda não se pronunciou.

Fonte: Beatriz Amendola – UOL

Leia mais:

Curitiba recebe Simpósio sobre SISANT

Receba atendimento direto no Whatsapp
Enviar